jusbrasil.com.br
21 de Setembro de 2019

Inveja, frustração, olho aberto e Política - tudo junto e misturado!

Elane Souza DCJ Advocacia, Advogado
há 11 meses

Não foi fácil chegar ao ponto que cheguei! Decidir falar e publicar sobre política foi bem difícil; após anos "lavando as mãos", sem votar ou, às vezes, apenas justificando, quiçá por 15 ou mais anos, decidi levantar da cadeira (no meu caso, sentar na cadeira, diante do computador) e digitar alguma coisa! Não que esteja satisfeita e feliz fazendo isso, mas não dá mais para ficar em 'cima do muro'!

Sempre defendi a tese do voto facultativo; para isso, deixei até de votar (em países evoluídos, e verdadeiramente democráticos, não se vota "obrigatoriamente" - ver AQUI).

Nos últimos dias abandonei (por pouco tempo) a tese que mais defendo de lado e passei a publicar sobre eleições porque acredito que a opção do PT é a melhor, a mais sensata, a que ainda pode nos "salvar" do pior!

Não havia me manifestado até o primeiro turno; acreditava que não tinha importância nenhuma fazer isso, afinal, mais uma vez iria apenas justificar - da mesma forma que farei agora (no segundo turno); todavia, mesmo indo apenas justificar tenho a obrigação de abrir os olhos dos que estão cegos e podem votar!


No primeiro turno enxergava como melhor opção, a menos ruinzinha, o Ciro Gomes; entretanto, depois da que ele fez com o Brasil (dando às costas ao candidato do PT, quando este mais necessita), por pura inveja e frustração de não ter ido para o segundo turno (ver aqui); fez-me ver que ele é, e sempre foi, apenas mais um político, como a maioria (só quer ser dar bem - se não for assim, que se dane o outro e até o país)!

Talvez, a sugestão que a colega de Partido, Senadora Kátia Abreu (PDT-TO) fez (que Haddad renunciasse a candidatura ver aqui) para Ciro assumir, tenha sido o estopim para ele "tirar o seu da reta", com mais rancor e ironia; notadamente, infeliz pelo sucesso do candidato Petista, que foi para o 2º turno, e ele não!

Sobre "OLHO ABERTO", também inserido no título, 'en passant', falarei de Fernando Henrique Cardoso (FHC - do PSDB).

Recentemente, há menos de 2 dias, a revista Veja online, publicou uma reportagem onde ele afirmou que para Bolsonaro há um muro intransponível entre eles; já, para o candidato do PT, Fernando Haddad, existe uma porta (que ainda não está aberta); mas há possibilidades de conversa: fez questão de frisar que é uma opinião sua, não do partido. "Bolsonaro representa tudo que não gosto - é possível que a maioria dos líderes do PSDB sejam a favor dele, MAS, NÃO EU"!

Taí um pouco de sensatez - como sempre digo: pessoas são pessoas, não são partidos; eu admiro as que tenho que admirar e repudio as que tiver que repudiar! Não estou presa a ideologias; nunca estive!

Estou apoiando a candidatura do PT porque não há outra opção melhor! Hoje, sabendo como Ciro Gomes age quando perde (é um mal perdedor, alguém frustrado e invejoso), estou bem mais feliz que o Haddad esteja no 2º Turno; quiçá, a Marina fosse melhor - só que não é ela quem está disputando.

Preciso repetir que não estou presa a partidos políticos - acho que não né? Mas quem quiser que eu desenhe, desenharei!

*Por Elane F. de Souza (Advogada, autora dos Blogs Divulgando Direitos, Diário de Conteúdo Jurídico - também pg oficial facebook DCJ)

*As fontes dos assuntos mencionados estão no próprio texto, via links

*imagem/créditos: TSE - eleições 2018

16 Comentários

Faça um comentário construtivo para esse documento.

Não use muitas letras maiúsculas, isso denota "GRITAR" ;)

Bolsonaro 17. Também resolvi falar.
Também me calei por anos mas agora preciso falar e alertar a todos contra esse comunismo ladrão que tenta por todos os meios retomar o poder, para levar o Brasil e seu povo à miséria e assim perpetuar o poder.
Não pode existir dignidade em quem mente, em quem tripudia com o valor moral das pessoas e o faz em benefício de uma causa perversa.
Votar no PT é se alinhar com quadrilheiros.
Sou eu quem concluiu?
Não!
É a verdade que se estampa nos fatos.
O chefe está na cadeia e é tão inocente quanto Beira-mar.
Vamos de uma vez por todas, nos livrarmos de seus cumplices.
Avante com Bolsonaro.
Comunismo jamais! continuar lendo

Avante PT, nazismo jamais!
Mesmo que para isso precise alinhar a forças estranhas e distintas como a do sensato FHC!
Existem horas que precisamos nos alinhar com os ruins para que não fique péssimo! continuar lendo

Sem ódio, apenas com determinação.
PT LADRÃO!
Nunca mais. continuar lendo

Concordo Roberto, votar no PT é o mesmo que ser bandido, fora que é um partido que se demonstra capaz de querer se manter no poder acima de qualquer outro, inclusive tentando matar seus adversários, pior que uma ditatura.

#PTNÃO!

PT = PERDA TOTAL - Dos valores morais, da ética, do respeito, da democracia legítima. continuar lendo

Esta polarização “fascistas vs ladrões” começou com os rótulos “coxinhas” e “mortadelas”. Contudo, aqueles que se digladiam por meio de rótulos perdem a essência do que realmente interessa no debate, ou seja, o funeral do sistema político carcomido que vigorou no País nos últimos 30 anos. O eleitorado deu um “show” ao renovar o Congresso Nacional, apesar dos esforços de uma classe política que pretendia manter o “status quo” a qualquer preço.

As eleições de 7 de outubro de 2018 constituem, portanto, um novo marco na história do Brasil, ao rechaçar com vigor o descaso, o cinismo e a desfaçatez com que o dinheiro público foi tratado por aqueles que deveriam por ele zelar. A faxina por certo se completará no próximo dia 28. Esperamos que o Parlamento renovado possa bem atender às expectativas do povo, que finalmente aprendeu a dizer em alto e bom som “#corruptos não!” continuar lendo

Parlamento renovado com Tiririca representando seus eleitores (depois de dizer duas vezes, em duas épocas que sairia da política - que iria deixar o "osso?)? Uma vez lá dentro ninguém larga; só quando são largados!

Parlamento restaurado com Alexandre Frota eleito? Faz me rir? Qualquer um que estivesse lá seria como ratificar o roubo e a falta de comprometimento com os votantes (mas esses dois aí, sinceramente; quem eles representam?). Espero que aos otários que os elegeram!

Nunca teremos um Senado ou parlamento restaurado enquanto nós formos eleitores (mudando de povo talvez sim, mas isso não dá); os políticos são 'do povo' - vem daqui, igual quem os elege - espera o que disso?

Infelizmente temos que tomar uma decisão e eleger um - vc diz"#corruptos não", mas, quem então???? Só vejo dois candidatos, antes que eram muitos e eu não via um que não fosse, vai fazer o que agora?

Apenas escolha 1 e pare de achar que o seu de estimação é melhor que os dos outros! continuar lendo

Aécio Neves e Gleisi Hoffmann já sofreram uma “capitis diminutio” ao serem rebaixados de senadores para deputados. No Senado, Renan Calheiros e Jader Barbalho são, como aqueles, minoria. A maioria dos eleitos garantirá a governabilidade. Com relação a Tiririca, vale lembrar o pensamento do famoso jornalista Aparício Torelly, que usava o pseudônimo Barão de Itararé. Dizia ele: “quando existe um idiota no poder, é porque os que o elegeram estão bem representados”. continuar lendo

Ab initio, afirmo que não esperaria outra postura da articulista. Mas compreendo a postura de Ciro Gomes. Foi sabotado em todas as frentes pelo PT - e dou graças aos céus por isso - pois rachou a esquerda e eliminou seu único candidato viável.

Redigiram aquela coleção de invectivas raivosas que chamam de programa (para Venezuelizar o Brasil) e agora tentam passar por "moderados". À base do copiar colar despudorado. Querem que alguém seja tolo o bastante para acreditar. De novo.

Haddad é tão moderado quanto Bolsonaro é nazista. Como nenhum dos dois é - e é uma postura delirante e intelectualmente desonesta traçar essas afirmações - cumpre que se diga a verdade.

Haddad é um bichinho de estimação de um presidiário que ainda tem aspirações à divindade. Um típico "intelectual uspiano", em sua hipocrisia habitual, em sua torre de cristal, em sua bolha de realidade que o poupa dos problemas mundanos, não tem fibra moral nem personalidade para coisa alguma. Haddad representa tudo o que há de errado neste país. É um indivíduo sem caráter, um homem sem colhões, com o discurso flexível, fala aveludada e um genuíno desprezo pelo povo. Como todo bom intelectual de esquerda, acredita no estado divino, para satisfazer seu ego inflado.

Bolsonaro, noutra mão, representa as aspirações do cidadão comum. Está longe de ser o sujeito mais brilhante do mundo, mas incontestavelmente tem caráter, e uma plataforma que não muda de acordo com os índices de popularidade.

Espero que a esquerda continue a demonizar as idéias de Bolsonaro. Pois isso é alienar o cidadão comum.

Mas já viram que isso não funciona, e está tentando a todo custo mascarar suas intenções. Já vimos isso antes. Quatro vezes antes. Seguidas.

Como de costume, o PT, depois de destruir a concorrência, busca auxílio nela. Passou 20 anos chamando o governo do PSDB de "herança maldita", e agora rasteja na porta de FHC, e tenta arrastar Pérsio Arida para seus quadros.

O PT encarna tudo o que há de mais podre, desprezível e repugnante na política. Lobos em pele de cordeiro; julgam que todos os cidadãos são imbecis e desmemoriados. Eu não aprecio o fisiologismo, mas entendo-o. O PT, contudo, não é fisiológico; é parasita. continuar lendo

Ótima percepção. A estratégia felizmente burra de Lula tirando Ciro Gomes da jogada e o atentado que quase matou Jair Bolsonaro cometido por um esquerdista militante só fizeram despertar a ira do povo para situar rapidamente o capitão no topo das pesquisas, sugerindo que Deus parece mesmo escrever certo por linhas tortas. continuar lendo

Tudo o que pensa a Sociedade de Bem. continuar lendo

Eu não sei de onde Dr. VÓS MICÊ tirou essa ideia de que eu vou votar em alguém!

No outro comentário falou que eu votaria no PT...não voto (votaria, se pudesse, no Haddad, na pessoa); mas não posso, não estarei disponível, no entanto publicar minhas ideias contrárias ao candidato mais querido do POVÃO, é melhor DO que fazer o que sempre fiz (lavar as mãos) me abster de falar, de expôr minha indignação, para que o candidato PIOR não seja eleito.

O que será bem difícil já que o povo prefere um separatista e segregador (negros de brancos, índios de brancos, um NOVO HITLER); que prega ódio contra Gays, contra pobres, negros, ateus, povos indígenas....isso eu não quero!

Não quero alguém que prega morte por morte; afinal, o filho do deus dessa pessoa (em teoria) pregava amor; acolhia pobres, prostitutas e doentes e até contava uma parábola de um tal bom samaritano (um NÃO cristão).

Mas leia o texto antes de comentar para não passar vergonha! continuar lendo

Eu tirei essa idéia de seu texto. Foi V.Sa. que escreveu, sem tirar nem por:

"Estou apoiando a candidatura do PT porque não há outra opção melhor!"

Ao que me consta, apoia-se votando, e angariando votos. Abstenção não é apoio. Atacar uma candidatura não é apoiar a outra. Mas, novamente, a Dra. escreveu: "Estou apoiando a candidatura do PT".

Se mudou de idéia nesse meio tempo, é bastante salutar. Significa que refletiu o suficiente sobre uma má escolha.

Dito isto, não vi qualquer pregação do outro candidato contra "gays, contra pobres, negros, ateus, e povos indígenas". Ademais, grande parcela do eleitorado dele se encontra numa dessas categorias - e seu próprio vice.

Não adianta - e vale para toda a esquerda - empregar o Ad Hitlerum. Não cola. Bolsonaro não é o novo Hitler, não se parece com Hitler, e não tem o discurso de Hitler. Conselho de quem prefere o debate honesto - continuem, e não vão conseguir dialogar com ninguém. continuar lendo

Dra Elane, eu não acredito que:

1 Aborto como política de Estado
2 Liberação de Drogas
3 Liberação de presos condenados
4 Ideologia de Gênero na infância
5 Irresponsabilidade Fiscal
6 Corrupção Sistêmica
7 Investimento em países de crédito duvidoso
8 Invasão de propriedade privada
9 Doutrinação de Adolecentes e Universitários para propagação dos ideias comunistas
10 Desciminalizacao da Pedofilia

Seja um bom programa de governo para nosso país. continuar lendo

Bom dia caro Fernando;

Da lista não concordo com os nº: 3, 5, 6, 7, 8 e 10. Epaaaa, quase tudo!

Não sei de onde vc tirou isso, afinal só criminosos pensam que isso aí seja programa de governo de alguém; só criminosos fariam isso!

Está variando????

Sem falar na número 1: Aborto não é política de Estado, é apenas 'ultima ratio' (ou seja último recurso); para isso existem políticas assistenciais e leis que obrigam o estudo e a prevenção!

ANIMA RAPAZ, não é porque estou 'tomando partido" que eu não tenha consciência que o candidato Hitlerista (para não dizer outra coisa) vá ganhar! Já o felicito por isso; infelizmente a minha manifestação é apenas um dos poucos gritos isolados de socorro! continuar lendo

Pois é Fernando, o PT acabou com o pouco de moral, ética e bons costumes que tínhamos, esta na hora de alguém com muito pulso firme tentar colocar ordem na casa, onde lugar de bandido é na cadeia ou morto!!!

Meus país e diversos outros vivenciaram a ditadura e nunca foram sequer constrangidos, pois estavam TRABALHANDO! e não por ai vadiando como é hoje em dia.

Não morreu na ditadura nem 1 décimo do que morreu no ano passado vítimas de homicídios nas mãos de marginais, o PT só fez isso, deu carta branca a bandidos que se demonstraram ser na política, iludindo o povão com UTOPIAS e IDEOLOGIAS sem nexo e qualquer utilidade prática ao povo, tornando o país cada vez mais desigual e separado, e ainda há quem acredite que eles defendem democracia CONTA OUTRA!.

#PTNÃO! continuar lendo

Dra., já que tem tal discordância, sugiro fortemente que dê uma olhada:
1. No programa de governo do seu candidato;
2. Nas propostas passadas e presentes do seu candidato e do seu respectivo partido.

Faltou uns dois pontos. O fim da separação de poderes e da liberdade de imprensa, através de mecanismos de "controle social" - projetados desde o velho PNDH-3.

"Não sei de onde vc tirou isso, afinal só criminosos pensam que isso aí seja programa de governo de alguém; só criminosos fariam isso!"

Bom, nisso concordamos. Só criminosos fariam isso. E fizeram. É o programa em que você quer votar. É o programa que nos colocou, ao longo de 14 anos, na presente fossa.

Uma coisa é não gostar de Bolsonaro, o que não é particularmente difícil. Outra, muito diferente, é depositar seu voto em uma plataforma, nos seus termos, "criminosa". continuar lendo